Irmãs: o mal da sociedade.

Por Luiz Felipe

Desde os tempos mais antigos, da criação de adão e Eva, e da época em que o Freddy Mercury não era prateado, dizem que se você é o único filho homem em sua família, com pelo menos duas irmãs, você literalmente esta fodido, de verde e amarelo (Copa ta aí né, temos que prestigiar). Elas viriam a infernizar sua vida, invadindo sua cabeça com músicas gays assim como o Bope invade o morro, tipo Kelly Key, Rouge, ou até aquela típica música da Barbie girl.

E essas porcarias ficariam na sua cabeça até você não esquecer mais. E assim como uma doença, ao ficar muito tempo exposto a tal coisas você acaba se infectando, por isso há grandes chances de você ser bem afeminado. O que não é meu caso. Não mais…

Como eu me identifico muito com esses casos, vou me dar. Como exemplo, calmaí rapaz!

Continue lendo ‘Irmãs: o mal da sociedade.’

Anúncios

Músicas que não saem da cabeça. Infelizmente.

Quem nunca teve a sensação de ter uma música presa em sua cabeça, que você não esquecia ela de jeito nenhum? Você ouve só uma vez e aquela porra de música não sai da sua cabeça, você tenta até cantar outra música para esquecer , mas adianta alguma coisa? Não. E la vem aquela porra de novo. Alguns até gostam de ficar com a música gravada em sua cabeça (puros idiotas. é, sem exceção).

A maior de todas está ela.  Aquela que as piriguetes e os garotinhos de 13 anos não podem escutar que saem correndo pra pista de dança. Sim, é ela meu amigo, a…

Continue lendo ‘Músicas que não saem da cabeça. Infelizmente.’

O dia em que acordei em Veneza.

Desocupados leitores da nossa casinha PC, eu estou aqui de casaco, bermuda, meia e chinelos num frio filho da puta em frente ao pc, para dizer como essas tempestades no Rio me ferraram.

Bom, tudo começou em pleno domingo de páscoa, como quase todo mundo deve ter feito, se reunir com a família, ver aquela tia que às vezes te perturba – e fica falando da sua vida que não interessa a ninguém e da vida dos outros – , aquele pentelho dos primos pequenos que ficam correndo pela casa e esbarrando em tudo , mas que por outro lado é bom você ver seus primos que po são grandes companhias, e para comer, comer e comer chocolates.

Até ai tava tudo beleza, mas já dava pra ver o céu todo nublado e preto. Pensei comigo mesmo: ”isso vai dar merda”. Como meu pai mesmo viu e não tava afim de pegar a Avenida Brasil com chuva, eu fui logo embora daquela merda. (Meu pai é esperto mano \o/)

Continue lendo ‘O dia em que acordei em Veneza.’

Manual do excluído 2.

Alguns dias atrás, nosso blog postou “Manual do Excluído” que ensinava as pessoas a como ser excluído socialmente na sua escola; bom algumas pessoas ate levam isso à sério que levam como uma meta na sua vida , vai saber…

É óbvio que esse texto é para sacanear e lembrar de pessoas que se encaixam com o perfil descrito, mas po eu sendo uma pessoa que tenho muita pena, quis ajudar:

Bom caro leitor se você é um cara anti-social ou conhece alguém assim, não tem muitos amigos e não pega mulher, sempre fica nesse seu cantinho e todos zoam de você , eu tenho pena dessas pessoas… Eu to aqui para ajudar a ser uma pessoa mais, tipo, legal… E se der certo pode até deixar mulheres correrem atrás de você. ou DE você
Continue lendo ‘Manual do excluído 2.’


Follow Politicamente Corretos 4.0 on WordPress.com

Visitas

  • 127,950 Bizoiadas

Destaques

Desenhos/séries que marcaram minha infância : Você têm saudades de quando era criança? Então saiba aqui os 5 desenhos que sinto mais falta;

Caos no Rio de Janeiro : Saiba tudo o que aconteceu quando houve a grande guerra entre o morro e a polícia carioca, além da tomada do Alemão;

Prêmio multishow, um fiasco : A versão 2010 do prêmio que premia as melhores bandas e cantores do Brasil foi um tanto quanto estranha. Saiba porquê.

-Mais dos melhores posts você vê aqui


%d blogueiros gostam disto: